segunda-feira, 6 de abril de 2009

ESTRANGEIRISMOS

Algumas expressões do inglês, em certas ocasiões, sofrem alterações para o português brasileiro afim de facilitar na compreensão e na escrita. Mas são algumas dessas modificações que, cá pra nós, chegam a ser gritantes. Uma delas foi identificada no Portal UAI, em matéria publicada neste site hoje, pelo jornalista Jair Amaral. Trata-se de uma matéria sobre feirantes no centro de BH.
Logo abaixo da matéria na segunda foto, a legenda da mesma diz o seguinte: "Até junho, a feira receberá novo leiaute, que permitirá uso de calçadas." Já conseguiu identificar o erro???


Abaixo a matéria na íntegra, onde tal veracidade pode ser constatada.

3 comentários:

João Flávio Resende disse...

Leandro,
Já tivemos o aportuguesamento de inúmeras palavras: gol, time, chute, por exemplo (só para lembrar o show do Timão lá em Juiz de Fora ontem). No Jornalismo, temos o lide, o relise (é, já vi escrito assim) etc.
Alguns jornais, como a Folha, tentam aproximar ao máximo a escrita de palavras estrangeiras da forma como se pronuncia no Brasil. Aí o EM vai e copia a mania. E ficou feio, convenhamos.
Abraços.

lubernard disse...

Sempre achei que o uso excessivo de estrangeirismos em alguns textos mais técnicos fosse desnecessário. E sempre achei e acho pior ainda quando essa tendência sai do escrito e invade nosso dia-a-dia, com palavras como "deletar" e "brecar". Mas concordo que "leiaute" ficou pééssimo! Imagine no caso de "shopping"... "xópim"! haaha

Abraço, Leandro!

Lucas

ed disse...

hilário

Análise dos principais acontecimentos da mídia brasileira e mundial!

Direção/Produção
Leandro Andrade

leandrolfandrade@yahoo.com.br
http://twitter.com/LeandroAndrade2